Trabalhos

Trabalhos desenvolvidos pelos membros do grupo.

Gostaria de adicionar um trabalho? Escreva para info@esustentabilidade.com

Dissertações de Mestrado

Modelo De Referência Para Aplicação De Processos Verdes Em Organizações De Software
Autor: Liliane Frez (UNIVALI)
Orientador: Marcello Thiry, Dr. (UNIVALI)
Situação: Finalizado. 2013.
Resumo: Os impactos ambientais causados pela tecnologia da informação têm demandado ações ambientais por parte dos governos, empresas e cidadãos. Estudos comprovam que os problemas resultantes do crescimento da tecnologia da informação já afetam a vida e a saúde de milhares de pessoas, gerando, dessa forma, diversos problemas de cunho social. Em 2010, o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) publicou um relatório destacando o Brasil como o país emergente que mais gera lixo eletrônico a partir de computadores e que há pouca ou nenhuma fiscalização sobre o destino deste lixo. Empresas que buscam um diferencial competitivo e
melhorias em seus processos organizacionais, buscam práticas ambientalmente amigáveis que de alguma forma amenizam ou anulam o impacto das suas atividades ao meio ambiente. A TI Verde surge, portanto, com o objetivo de reunir práticas e discussões a respeito do tema sustentabilidade ambiental aplicado à tecnologia da informação. Este trabalho propõe reunir e organizar sistematicamente práticas ambientais a serem adotadas por organizações de desenvolvimento de software, identificando processos ambientais de forma a constituir um modelo de referência. O modelo MPVerde foi desenvolvido apoiado na norma NBR ISO/IEC 15504 e no framework PRO2PI-MFMOD. Para avaliação desta pesquisa, o trabalho realizou um diagnóstico do modelo proposto em três organizações de software catarinenses, que permitiu concluir que o modelo é viável de implementação em uma análise técnica e financeira para o cenário destas organizações. Nesta avaliação também foi possível identificar as práticas já adotadas por estas organizações. Além disso, um especialista da área de engenharia de software analisou o modelo sob a perspectiva da estrutura proposta e a relação entre os processos. O modelo também foi avaliado em relação ao atendimento à norma ambiental NBR ISO/IEC 14001, constatando a aderência aos requisitos ambientais especificados na norma.
Sustentabilidade em Gestão de Processos de Negócios (BPM): Revisão Sistemática da Literatura
Autor: Lorena Lopes (UFPE)
Orientador: Carina Alves (UFPE), Leticia Duboc (UERJ)
Situação: Em andamento. Previsto para 2014.

Link: Não disponível
Resumo: Em breve.

Projetos Finais

Modelando Sustentabilidade em Sistemas de Compras
Autor: Camilla Bonfim, Wesley Nunes (UERJ)
Orientador: Leticia Duboc (UERJ)

Situação: Finalizado. 2014.
Link: Em breve.
Resumo:A sustentabilidade é uma preocupação cada vez mais crescente e presente em nossa sociedade. Entre as muitas iniciativas que podem contribuir para o desenvolvimento sustentável, são os de sistemas de TI. Estes aborda de forma predominante o consumo de energia e o descarte de equipamentos. No entanto, o software é normalmente parte de um contexto mais amplo, os sistemas sócio-técnicos, cujo projeto pode ter um impacto significativo sobre a sustentabilidade. Sistemas de compras é um tipo particular de sistema sócio-técnico, com um impacto considerável sobre os pilares da sustentabilidade social, econômica e ambiental. Diante desse contexto, o projeto se propõe a utilizar o diagrama de metas do framework KAOS para incorporar sustentabilidade ao sistemas de compras da multinacional Oil.Br (nome fictício) e também adaptar as diretrizes de compras públicas sustentáveis (CPS) do ICLEI Procura+ ao contexto da empresa.   Assim, o projeto destaca as vantagens e os desafios de agregar metas de sustentabilidade em sistemas de compras privadas e a adequação da modelagem de metas. Além disso, o modelo final pode ser adaptado para outros sistemas de mesmo domínio.

Incorporando Sustentabilidade a Análises de Negócios na Construção Civil
Autor: João Souza, Marcos Filho (UERJ)
Orientador: Leticia Duboc (UERJ)

Situação: Finalizado. 2014.
Link: Em breve.
Resumo: Sustentabilidade é um dos grandes desafios da sociedade atual. Organizações públicas e privadas podem exercer um importante papel nesta luta através da implementação de iniciativas sustentáveis em suas operações. No entanto, como efetivamente incorporar sustentabilidade às organizações? O presente estudo aplica os conceitos do Gerenciamento de Processos de Negócios (em inglês Business Process Management ou BPM) para analisar e modelar parte dos fluxos de processos de um banco de financiamento. Em particular, buscou-se capacitar o processo de análise de financiamento de novos negócios na área de construção civil para considerar o nível de maturidade de sustentabilidade das empresas solicitantes. Para tal, foram aplicadas ao problema em questão, as fases de planejamento, análise, desenho e modelagem do ciclo de vida do BPM, além do desenvolvimento de um protótipo funcional desta modelagem. As contribuições deste trabalho acarretam em duas vertentes: por um lado, demonstra como o ciclo de vida do BPM pode ser utilizado para incorporar sustentabilidade a processos de negócios. Por outro, apresenta uma proposta de modelo de financiamento de novos negócios que considera a análise de sustentabilidade como parte de seus critérios. Se adotada por bancos de investimento, novas empresas seriam incentivadas a incorporar iniciativas de sustentabilidade em seus planos de negócio, contribuindo para um futuro mais sustentável de nossa sociedade.